Tempo

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Na postagem anterior, abordou-se o aspecto das escolhas e sua importância para a aprendizagem.
O próximo aspecto diz respeito à disponibilidade do tempo.

Por exemplo:  Uma pessoa entra num curso de Espanhol, depois de um grande exercício de escolhas pelos melhores horários para frequentar as aulas. Uma à noite, uma pela manhã, uma aos sábados… Conseguiu ajustá-las na maratona do seu dia a dia, e agora acha que vai sair-se bem no seu curso. No entanto, ele  esqueceu de separar o tempo para estudar em casa, que é tão importante quanto frequentar as aulas…

Esta simples história, ilustra a importância da gestão do tempo, pois todo aprendizado requer um tempo disponível para fazê-lo com qualidade. Fazer pela metade é aprender pela metade, e consequentemente ser medíocre na execução.

Diante disso,

Como está a sua gestão de tempo? Quanto tempo você tem dedicado aos novos aprendizados?

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *